Untitled Document

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

TERÇA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2018

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

08 de JUNHO de 2018

Agressor deve indenizar vítima de violência doméstica por danos morais

Em sessão de julgamento realizada nesta quinta-feira, dia 07 de junho, os desembargadores da 3ª Câmara Criminal do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), por unanimidade, negaram provimento ao recurso da defesa de W.Z.M.R. e deu provimento ao do Ministério Público, fixando em R$ 1.500,00 o valor mínimo indenizatório a título de dano moral em favor da vítima de violência doméstica.

O réu foi processado porque no dia 12 de novembro de 2017, em Campo Grande, ofendeu a integridade física da vítima A.C., sua esposa, desferindo-lhe socos, tapas, chutes e empurrões, sendo condenado à pena de 15 dias de prisão simples, deixando o juiz de primeiro grau de fixar indenização para reparação de danos à vítima.

A defesa apresentou recurso de apelação, pugnando por absolvição do réu, aduzindo, em suma, a inexistência de provas suficientes à prolação de decreto condenatório.

Também houve recurso do Ministério Público Estadual objetivando a fixação da indenização em favor da vítima.

Em seu voto, o relator do processo, Des. Jairo Roberto de Quadros, ressaltou que “verificando-se, pois, pedido expresso na denúncia e comando legal impositivo para o magistrado fixar valor mínimo, além da citação válida, o contraditório se afigura atendido, exaurindo-se com a profunda análise da prova reunida”.

Afirma também que “em data recente, a 3ª Seção do Superior Tribunal de Justiça, ao julgar recursos especiais repetitivos que discutiam a matéria, firmou o entendimento de que o merecimento à indenização é ínsito à própria condição de vítima de violência doméstica e familiar, e o dano é in re ipsa”.

O processo tramitou em segredo de justiça.



Fonte: Dourados News



» VEJA TAMBÉM!
GERAL  21/08/2018
Motociclista ateia fogo em carro de garagem de veículos
GERAL  21/08/2018
Parcelamento de multas no cartão ainda não está valendo
GERAL  21/08/2018
Tire suas dúvidas sobre as vacinas contra sarampo e poliomielite  [...]
GERAL  21/08/2018
Intolerância à lactose e alergia ao leite: entenda as diferenças  [...]
GERAL  21/08/2018
Governo Temer pede que STF negue pedido para fechar fronteira de Ror  [...]

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Untitled Document
TáNaMídia Naviraí
Editor: Umberto Cardoso (Zum)
E-mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Endereço: R. Jamil Salem, 27 CENTRO
Naviraí - MS - Brasil
+55 67 9956-1909