Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 18 DE JANEIRO DE 2021
11 de JANEIRO de 2021

Preso no Paraguai, "Bonitão do PCC" foi entregue à PF no Brasil

Imagem mostram o momento em que “Bonitão” entra em viatura da PF, na alfândega entre Brasil e Paraguai. (Foto: Wilson Ferreira)

Já chegou ao Brasil um dos mandatários do PCC (Primeiro Comando da Capital) no Paraguai, o brasileiro Giovanni Barbosa da Silva, 29 anos, o “Bonitão”. Ele foi entregue à Polícia Federal na cidade de Foz do Iguaçu (PR), na Ponte da Amizade. Já havia, aqui no País, mandado contra ele por tráfico internacional de drogas e armas.

Conforme informações do Departamento de Investigações do Alto Paraguai, a entrega do traficante ocorreu às 12h30m de ontem (10). 

Giovanni foi preso na noite de sábado (09), ao ser abordado pela polícia paraguaia em caminhonete na cidade de Pedro Juan Caballero. Ele e outra pessoa não quiseram descer do veículo durante a ação policial, e após uso da força, foram flagrados com um fuzil dentro do veículo.

Ele ficou detido na sede de Investigação de Delitos, em Pedro Juan, onde na madrugada de ontem, outros integrantes do PCC tentaram resgatá-lo. Houve tiroteio e até um oficial paraguaio foi feito refém, porém a fuga não se consumou.

Em nota oficial, a Polícia Federal brasileira informou que colaborou com a prisão de Bonitão em ação de cooperação policial internacional. Segundo a PF, Giovanni Barbosa da Silva era foragido da Operação Exílio, deflagrada em junho de 2020 com o objetivo de desarticular organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas e armas de fogo a partir do Paraguai para o Brasil.

Conforme a polícia brasileira, a prisão ocorreu através de intensa cooperação entre a PF, Abin (Agência Brasileira de Inteligência), Polícia Civil e Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, Polícia Nacional do Paraguai e Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai.

“A ação é parte da estratégia da PF para o enfrentamento ao crime organizado a partir das diretrizes voltadas à prisão das lideranças, descapitalização patrimonial das organizações e cooperação policial internacional”, diz a Polícia Federal. 



Fonte: Campo Grande News



» VEJA TAMBÉM!
GERAL  18/01/2021
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
SAúDE  18/01/2021
Ocupação de leitos em UTI Covid continua alta nas cinco macrorregiões do Estado
GERAL  18/01/2021
Enem bate recorde de abstenção de 51,5% e ministro culpa ‘medo de contaminação’
GERAL  18/01/2021
Mato Grosso do Sul receberá 97 mil doses da vacina contra o coronavírus nesta segunda-feira
GERAL  17/01/2021
Com 767 infectados e 13 mortes em 24h, MS chega a 150,4 mil casos de coronavírus
Untitled Document
TáNaMídia Naviraí
Editor: Umberto Cardoso (Zum)
E-mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Endereço: R. Jamil Salem, 27 CENTRO
Naviraí - MS - Brasil
+55 67 9956-1909