Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2021
26 de JULHO de 2021

Alvo de operação que prendeu 25 membros do PCC, ‘disciplina’ é condenado a 14 anos

Equipes policiais durante a operação - (Divulgação, PCMS)

Foi condenado a 14 anos e 10 dias de prisão Felipe da Silva Moura, o ‘Magrão’ do PCC (Primeiro Comando da Capital). Preso desde o dia 22 de agosto de 2019 com outros 24 faccionados, Felipe é acusado de integrar a organização criminosa e também de tortura, por participar de tribunal do crime.

O processo com a denúncia dos 25 integrantes do PCC, presos durante a Operação Collimatos da Polícia Civil, segue em sigilo. A sentença de condenação de Felipe foi publicada no Diário da Justiça desta segunda-feira (26). Conforme a decisão do juiz Aldrin de Oliveira Russi, restou claro que o réu integra a organização criminosa.

Além disso, houve aumento de pena por ser reincidente e pelo uso de arma de fogo e também corrupção de menores. “A conduta social é ruim, pois o condenado dedica sua vida ao mundo do crime e assim afastou-se principalmente do valor social do trabalho. A personalidade não é nada boa, pois ao se dedicar ao PCC, o condenado revela ser pessoa disposta à prática de qualquer tipo de delito em prol dos integrantes do crime organizado”, pontua o magistrado.

Por fim, Felipe foi condenado aos 14 anos e 10 dias de reclusão, além do pagamento de 188 dias multa, considerando o valor do dia multa como 1/30 do salário mínimo vigente à época dos fatos. Ele deverá cumprir pena em regime fechado e, por integrar organização criminosa, não poderá progredir de regime de cumprimento, nem mesmo obter livramento condicional ou outros benefícios.



Fonte: Midia Max



» VEJA TAMBÉM!
POLíCIA  27/09/2021
Indígena é preso com duas armas de fogo e cinco munições ilegais
POLíCIA  26/09/2021
Sem habilitação idoso é preso pilotando moto completamente embriagado
GERAL  26/09/2021
Nomeação de esposa do prefeito de Laguna Carapã está sob investigação
GERAL  26/09/2021
Rio Paraguai atinge nível negativo de um metro e meio
GERAL  26/09/2021
Empresa é autuada em R$ 353 mil por incêndio em área plantada de cana-de-açúcar
Untitled Document
TáNaMídia Naviraí
Editor: Umberto Cardoso (Zum)
E-mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Endereço: R. Jamil Salem, 27 CENTRO
Naviraí - MS - Brasil
+55 67 9956-1909