Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2021
26 de AGOSTO de 2021

MS deve começar aplicar 3ª dose da vacina contra a Covid-19 amanhã

Idosos com 80 anos ou mais e que tomaram a segunda dose da vacina contra a Covi-19 há pelo menos seis meses poderão começar a receber a terceira dose, de reforço, já amanhã (27), em Mato Grosso do Sul.

O anúncio foi feito pelo secretário estadual de Saúde, após autorização anunciada pelo Ministério da Saúde. Segundo ele, o Ministério apontou o início da vacinação de reforço para 15 de setembro.

“Mas como em nosso Estado estamos em processo avançado e já realizamos a imunização de um grande número de pessoas, inclusive nos adolescentes de 12 a 17 anos e tendo concluído em todos os municípios a imunização dos acima de 18 anos, queremos começar a aplicação da terceira dose a partir de sexta-feira (27), se as vacinas chegarem amanhã”, destacou o secretário.

Em reunião realizada pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que reúne a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e os 79 secretários municipais de Saúde, a medida foi aprovada de forma consensual.

Pelo acordo, 70% das doses que devem chegar possivelmente nesta quinta-feira (26), ao Estado, serão destinadas para esse reforço. A previsão é de um desembarque de 37.440 unidades da vacina da Pfizer e 44.000 da Coronavac. Os 30% restantes serão aplicadas nos adolescentes de 12 a 16 anos.

“Estamos construindo uma resolução para que todos os idosos a partir de 60 anos, incluindo os profissionais de saúde, recebam a dose de reforço em nosso Estado. Mas o quantitativo de vacinas que vai chegar, inicialmente, não será suficiente para atender a todos ao mesmo tempo. Por isso, vamos vacinar por faixas etárias, começando com as pessoas de 80 anos ou mais, e profissionais de saúde que tenham completado o ciclo vacinal há seis meses, ou seja, os que tomaram as duas doses da vacina até o dia 31 de março deste ano”, explicou Geraldo Resende.

Aumentar a imunização

Recente estudo realizado pela Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul e enviado para o Ministério da Saúde indicou a necessidade de uma terceira dose de vacina contra a Covid-19 em idosos a partir de 60 anos. O levantamento revelou que de fevereiro a maio deste ano, o grupo adquiriu imunidade contra o Coronavírus, porém, após esse período houve aumento quanto ao número de casos e de óbitos neste grupo específico.

O estudo apontou que a idade é um fator de risco independente para o agravamento da Covid-19, já que o sistema imunológico responde menos à produção de anticorpos. Ou seja, um indivíduo a partir de 60 anos de idade corre duas vezes mais risco de hospitalização ou óbito por Covid-19 em relação a um indivíduo mais jovem. E a situação progride conforme o aumento da faixa etária.

“A decisão de aplicarmos a dose de reforço já foi referendada pela CIB. Vamos ter uma reunião do COE (Comissão de Operações Emergenciais) hoje à tarde, e a partir desta definição, haveremos de iniciar o processo de vacinação dos idosos nessas novas remessas de vacinas que estão vindo do Ministério da Saúde. O objetivo é preservar vidas, pois com a terceira dose, vamos até quintuplicar a resposta imunológica nas pessoas idosas, reforçando nossa tarefa de preservar a vida dos moradores de Mato Grosso do Sul”, conclui o titular da pasta.



Fonte: Ligado na Notícia



» VEJA TAMBÉM!
POLíCIA  27/09/2021
Indígena é preso com duas armas de fogo e cinco munições ilegais
POLíCIA  26/09/2021
Sem habilitação idoso é preso pilotando moto completamente embriagado
GERAL  26/09/2021
Nomeação de esposa do prefeito de Laguna Carapã está sob investigação
GERAL  26/09/2021
Rio Paraguai atinge nível negativo de um metro e meio
GERAL  26/09/2021
Empresa é autuada em R$ 353 mil por incêndio em área plantada de cana-de-açúcar
Untitled Document
TáNaMídia Naviraí
Editor: Umberto Cardoso (Zum)
E-mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Endereço: R. Jamil Salem, 27 CENTRO
Naviraí - MS - Brasil
+55 67 9956-1909